quarta-feira, 17 de novembro de 2010

MODORRONDO... VOU DE CARONA...

MODORRANDO... VOU DE CARONA...
                   Miguel Russowsky (1923 – 2009), poeta nascido em Santa Maria – RS, tendo residido em Joaçaba –SC.

Verão. Domingo. A brisa morna e branda
vai furungando ao léu, sem disciplina.
De vez em quando, as franjas da cortina
agitam-se em meneios de ciranda.

A tarde está dormindo na varanda
com seu perfil de cortezã grã-fina.
O relógio, viciado na rotina,
parece concordar... Quase não anda.

A preguiça – senhora muito obesa –
cansada, se estatela no sofá,
boceja, devagar... Só quer moleza!...

A vida muitas vezes estaciona...
Mas, se quiser seguir... Deixo que vá!
Eu não posso impedir... Vou de carona!...

(Do BALI – LETRAS ITAOCARENSES – Dezembro/2009-página 12)
Leia mais sobre este autor:



Nenhum comentário: