quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

SE O MUNDO...

SE O MUNDO...
                   Elenaide dos Santos (São Paulo-SP)
Se o mundo fosse feito de ventura,
se nunca houvesse alguém triste a sofrer,
se não houvesse gotas de amargura,
se a vida fosse eterno amanhecer.

Se nunca alguém chorasse a desventura,
se tudo fosse fácil se obter,
se o mundo fosse cheio de ternura,
se fosse um mar de rosas o viver.

Não haveria lutas, nem vitórias
e muito menos haveriam glórias
ou recompensas por alguém lutar.

A vida perderia o encantamento
se deixasse de haver o sofrimento
e o prazer de sorrir, após chorar.

(Do Boletim de Intercâmbio Cultural PERFIL, página 1, da Academia Anapolina de Filosofia, Ciências e Letras, Anápolis - Goiás)

Um comentário:

Keila Morais disse...

Oi Tio, acabei de ver seu recado no orkut e no meu e-mail. Que legal ver o soneto da mamãe no seu Blog, vou mostrar pra ela. Saudades de vcs. Beijos.