quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

TROVAS DE CARLOS

TROVAS
                   Carlos Ribeiro Rocha (Salvador-Bahia)
Em minha vida, uma briga
acontece, de alto porte:
É o azar fazendo intriga
para não dar vez à sorte.

Não há, na Moral, melhora,
nem me venham com sermões,
se Cristo voltasse agora
nem contava os “vendilhões”.

Meu Sertão tem sul e norte,
tem amargor e doçura,
cara de cachaça forte,
coração de rapadura.

Trabalho leve... (Algodão).
E como é grande o roçado...
No pagamento, o patrão
é que tem sido pesado!

(Do livro 28 SONS, TROVAS, página 10/11)

Nenhum comentário: