sexta-feira, 7 de outubro de 2011

MEDO

MEDO

Henny Kropf

Do dia sem sol?
Da noite sem luar?
De não ouvir o canto do pássaro?
Da vida sem amor?
De não sentir o perfume das flores?
Da escuridão da noite?
De não ver o por do sol?
Da minha poesia não agradar?
Do céu sem estrelas?
Tenho medo, tenho muito medo
de não encontrar você em minha vida.

(O JORNALZINHO, Postal Clube, maio/junho-2010, página 4)

Nenhum comentário: