terça-feira, 1 de novembro de 2011

HAICAIS

         HAICAIS

         DULCE REIS

Levantam-se tarde
Tímidos raios de sol
Cobertor de nuvens.

Outono avançado
Tímida lua me espia
Em quarto minguante.

Observa o tempo
Um urubu solitário.
Chove, não chove?

Tubarão à vista
Cardume de sardinhas
Busca um atol.

Pinceladas rubras
Do bico-de-papagaio
No verde da cerca.

(Do livro CAMINHO DAS ÁGUAS, página 10- Santos-SP)

Nenhum comentário: