sábado, 21 de janeiro de 2012

TROVAS DE CARLOS RIBEIRO ROCHA

TROVAS DE CARLOS RIBEIRO ROCHA
                      (04/11/1923-27/11/2011)

É A XÍCARA DE CAFÉ
AINDA QUE REQUENTADO,
A TROVA EM QUE PONHO FÉ
PARA LEVAR MEU RECADO.

QUANDO EMITO ALGUM CONSELHO,
TENDO A TROVA COMO MEIO,
DIANTE DO MESMO ESPELHO
EXAMINO SE ESTOU FEIO.

SÃO NA VERDADE MEUS PUNHOS
MENTAIS, OU MINHAS VINHETAS,
OS INCONTÁVEIS RASCUNHOS
QUE COLOCO NAS GAVETAS.

O MUNDO QUE SE DEFORMA
COM TERROR E ZUMZUMZUM,
VAI DEPENDER DA REFORMA
QUE PROMOVER CADA UM.

(DO LIVRO “CAFÉ REQUENTADO”, PÁGINA 31)

Nenhum comentário: