domingo, 30 de dezembro de 2012

MENSAGEM DO ANJO


Mensagem do Anjo

Gióia Júnior

 

Sim, aos pobres, ao povo... Do rebento

do Rei Davi nasceu, para a alegria

do pobre, das entranhas de Maria,

o Rei Jesus! No humílimo aposento

de uma pobre e festiva estrebaria

sem adornos, vereis, no encantamento

infantil, entre as palhas, “a poesia

que há de inundar o mundo num momento...”

De grande gozo é a nova que vos trago,

achareis o menino, sob o afago

de seus pais, em Belém... Cristo Jesus,

eis o seu nome... É o rei que as profecias

prometeram... Hosanas ao Messias!

“O povo em trevas viu a grande luz!!!”

Ressuscitai! Revivescei, pastores!

Desceu Jesus dos páramos divinos,

encha-se o campo de formosos hinos,

cubra-se o coração de lindas flores!

Regozijai-vos... Glória a Deus, pastores,

sejam homens, mulheres e meninos

que, no cântico ideal dos peregrinos,

façam chegar a Deus os seus louvores!

Jesus nasceu! Natal! Glória no espaço...

O amor de Deus foi revelado ao mundo,

Jeová cobriu a terra, num abraço...

A semente rolou da sua mão:

abra a terra o recôndito profundo

para que rompa a flor da salvação!!!

Ide ver o menino envolto em panos,

numa epopeia de simplicidade...

Coincide o fim dos vossos desenganos 111

 

com o princípio da felicidade!

“Mais do que a flor do lótus, que, em verdade,

vem ao mundo uma vez cada cem anos”,

brotou a flor dos ideais humanos,

que nasce uma só vez na eternidade.

Estrelas! Perfumai o céu profundo...

Flores! Brilhai pelos jardins do mundo...

Berço da vida é a Pátria dos Judeus...

Luz ante a qual as trevas se consomem:

Deus – que padece as dores como um homem!

Homem – que salva o mundo como um Deus!

Verdade – palavra dura,

espada de fundo corte,

segredo de sepultura,

onde a vida esconde a morte!

 

Do livro 25 Anos de Gióia Júnior (1976)

(A POESIA DO NATAL-ANTOLOGIA-ORG. SAMMIS REACHERS-RJ)

Nenhum comentário: