quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

ESCADA (FILEMON E TÂNIA)


ESCADA DE TROVAS – Sonhos Sepultados

Filemon Martins e Tânia Voigt

SUBINDO:

SEPULTOU OS SONHOS MEUS
sem nenhuma piedade...
Rogo que diga, por Deus,
por que tamanha maldade?! (Tânia)

MEU CORAÇÃO, DESOLADO,
não sabe o que aconteceu
ao ver um sonho encantado
num olhar que se perdeu. (Filemon)

QUANDO ME DISSESTE ADEUS
tu levaste a minha vida
grudada nos passos teus...
Ah, que sina imerecida! (Tânia)

NÃO ME ESQUEÇO DO PASSADO
e do teu beijo também,
como era doce o pecado,
como te quero, meu bem. (Filemon)


NO TOPO:

NÃO ME ESQUEÇO DO PASSADO
QUANDO ME DISSESTE ADEUS.
MEU CORAÇÃO, DESOLADO,
SEPULTOU OS SONHOS MEUS.

Filemon F. Martins
Caixa Postal 64
11740-970-Itanhaém-SP.

Nenhum comentário: