segunda-feira, 27 de maio de 2013

AMORES

AMORES

LUCÍLIA DE TOLEDO MEZZÓTERO

TARDE
LUA
CHEIA
A MATA É TÃO VERDE
E ME TRAZ AQUI ESTE
AROMA TODO?!...

E A MATA ENTROU,
E ESTÁ COMIGO,
VENDO A TARDE,
A LUA,
TUDO
CHEIO DE AMOR!


(Do livro VALEU A PENA...?, página 33)

Nenhum comentário: