quinta-feira, 25 de julho de 2013

TROVAS DE SAUDADE (Autores diversos)

TROVAS DE SAUDADE (Autores diversos)

A brisa no campo-santo,
é um sussurrar diferente...
Lembra o soluço no pranto
da saudade ali presente.
         ALICE ALVES NUNES
A distância, na verdade,
não nos priva desse ardor...
Serve de ponte a saudade
para estreitar nosso amor.
         CARLOS CARDOSO
A saudade – indefinida,
que a gente sente e não vê,
é algo que consome a vida
de quem muito ama você!
         CELSO CALDAS
A saudade – mortifica,
se espalha por toda parte;
entre o que vai e o que fica,
igualmente se reparte.
         ANTÍDIO DE AZEVEDO

(Do livro MIL TROVAS DE AMOR E SAUDADE, PÁGINA 96)



Nenhum comentário: