quinta-feira, 8 de agosto de 2013

TROVAS DE AMOR

TROVAS DE AMOR

Minha ventura, querida,
é ser, com o maior fervor,
escravo de tua vida
e dono de teu amor!...
        JOÃO GUIMARÃES
Minha prece mais singela,
sem pecado e sem ressábios,
meu amor, - é sempre aquela
que rezo à flor de teus lábios!
        P. DE PETRUS
Na choupana, sem riqueza,
sem janela envidraçada,
nosso amor tem tal grandeza,
que a nós dois não falta nada!
        JOÃO FREIRE FILHO
Nas noites de lua cheia
como é bom a gente amar...
- As ondas beijando areia...
e eu, na areia, a te beijar...
        LUIZ OTÁVIO


(Livro MIL TROVAS DE AMOR E SAUDADE)

Nenhum comentário: