terça-feira, 14 de janeiro de 2014

GRINALDA DE TROVAS


GRINALDA DE TROVAS 
Filemon F. Martins 


Vive sem paz, meu amigo, 
sem cultivar a harmonia 
sem pressentir o perigo 
quem aos outros calunia. 

Quem aos outros calunia 
sem procurar a verdade, 
tem a vida mais vazia 
por interesse ou maldade. 

Por interesse ou maldade 
é burrice e covardia 
quem age sem humildade 
não pode ter alegria. 

Não pode ter alegria, 
quem vive sem amizade. 
Não há luz, sabedoria, 
nem paz e felicidade. 

Os versos em negrito formam a trova mãe, do autor. 

Quem aos outros calunia 
por interesse ou maldade, 
não pode ter alegria 
nem paz e felicidade. 


filemonmartins@bol.com.br 
filemon.martins@uol.com.br 

Nenhum comentário: