sábado, 15 de março de 2014

TROVAS DE LUIZ HÉLIO FRIEDRICH

Trovas de Luiz Hélio Friedrich (UBT DE CURITIBA)

Meu pai, sisudo e calado,
não me deu muito conselho.
Porém, seu exemplo, honrado,
segue sendo o meu espelho.

O poeta quando canta
a sua dor que é infinda
até a Deus ele encanta:
-Ganha mais dores , ainda!

Debruçada sobre o berço
do seu querido filhinho
busca a mãe, rezando o terço,
indicar-lhe um bom caminho.

Com letras, hoje trabalho,
em meu sonho de escritor;
é com elas, que encascalho,
meu caminho trovador.


Trovador lute com garra
na expressão do sentimento
pra romper qualquer amarra
que aprisione o pensamento.


Trova, pequena poesia,
que tantos encantos traz,
canta o amor, canta a alegria,


canta a pureza da paz.

Nenhum comentário: