quarta-feira, 28 de maio de 2014

TROVAS DO FILEMON

TROVAS DO FILEMON     
                      
    

  
Não compreendo o teu mundo            
e o que diz teu coração.                     
- Se nosso amor é profundo,             
por que só me dizes não ?                   

Quantas noites, meu amor,                 
olhando, no céu, a lua,                       
eu me sinto um trovador                    
pensando na imagem tua.                  
               
No mundo do desamor                        
ao poeta, nada importa,                      
se na saudade e na dor                       
a inspiração oconforta.                       


Nenhum comentário: