sexta-feira, 10 de outubro de 2014

SE TU ME QUERES... (GISELDA MEDEIROS)

SE TU ME QUERES...
Giselda Medeiros

Se tu me queres, dize-me isso agora,
quando ainda em mim a primavera mora,
quando o meu riso, cheio de alegria,
espalha ainda chamas de poesia.

Se tu me queres, diminui a hora
desse momento que tanto demora.
Vem semear canteiros de alegria
neste terreno afeito à nostalgia.

Se tu me queres, faze um gesto apenas.
Palavras... não importam realmente...
Quero sentir somente que me queres.

Pois, se eu tiver as tuas mãos morenas,
serei a mais ingênua adolescente
e a mais sensual de todas as mulheres!


(Jornal LITERARTE, Arlindo Nóbrega, setembro/2014)

Nenhum comentário: