sábado, 11 de abril de 2015

RATOS NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

RATOS NA CÂMARA DOS DEPUTADOS
                                               Filemon F. Martins

CPI da Petrobrás na Câmara dos Deputados, dia 09/04/2015. A CPI pretendia ouvir o depoimento de João Vaccari Neto, tesoureiro do PT, acusado de receber propina na própria sede do partido. Mas, um incidente marcou o início dos trabalhos. É que um funcionário comissionado, diga-se de passagem, soltou alguns roedores (dois ratos, dois hamsters e um esquilo da Mongólia) no plenário da Câmara. Não foi de bom tom o que fez o agora exonerado Márcio Martins de Oliveira, mas não se pode negar que no momento atual, nada melhor e mais sugestivo para ilustrar a situação do governo federal e de alguns políticos no que diz respeito às falcatruas que vem ocorrendo na gestão petista.
É hilariante. É trágico. Cada dia que passa, mais um escândalo pipoca aqui e ali. E o PT com seus aliados vão se enrolando cada vez mais. Só não vê, quem não quer. A continuar assim, a Polícia Federal e o Ministério Público Federal vão ter muito trabalho. Antes, já tivemos a Emenda Constitucional nº 42, que penalizou inativos e pensionistas, com 11% dos seus salários e que foi aprovada à muque do mensalão, sempre negado pelo então presidente Lula. É verdade que foram condenados pelo Supremo Tribunal Federal, quando contávamos com a competência do Ministro Joaquim Barbosa, apesar dos esforços do governo, disfarçadamente, para absolver todos eles. Agora, o rombo na Petrobrás, que a OPERAÇÃO LAVA JATO está investigando. Mas, se a Polícia Federal e o Ministério Público Federal tiverem fôlego, ainda há a Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil, o BNDES, a transposição do Rio São Francisco, entre outros. Aliás, há também a ferrovia Norte-Sul, que, mais ou menos uns dois anos atrás, quando eu viajava de carro entre Goiás e Tocantins, fui informado por um amigo que até ali já estava pronta. Mas, com um pequeno probleminha: constataram que os dormentes colocados na ferrovia não suportariam o peso dos trens carregados e por isso, deveriam ser trocados. Não precisa ser expert para saber que o dinheiro está escapando pelos trilhos...
Segundo Lula, quando era Lula mesmo, havia naquela casa mais de 300 picaretas, hoje então, a coisa piorou, porque são 513 deputados, o que significa um percentual considerável de picaretas... Daí que a figura dos roedores na Câmara dos Deputados é bem emblemática...

Caixa Postal 64

11740-970-Itanhaém – SP. 

Nenhum comentário: