quarta-feira, 5 de agosto de 2015

PARADOXO

PARADOXO 

Filemon F. Martins 

Quase sempre erramos 
porque queremos ser fortes e poderosos 
na jornada da vida. 
Esquecemos que é a brisa leve e suave 
que produz música ao balançar as folhas das árvores 
e não a tempestade que fere, mata e destrói. 



Nenhum comentário: