domingo, 4 de outubro de 2015

CONTRASTE

CONTRASTE

Filemon F. Martins (soneto da mocidade) 



Tu és feliz, a vida é um paraíso 
onde há paz, ventura em profusão, 
e a graça singular do teu sorriso, 
- símbolo da Beleza e Perfeição! 

Mas eu sou infeliz, pois já diviso 
na luz do teu olhar, ingratidão, 
e sem querer eu sinto que preciso 
esquecer-te e viver na solidão. 

Julgara que tu fosses, ó querida, 
meu segredo, meu sonho, minha vida, 
minha eviterna e santa inspiração... 

Mas tu és assassina do meu sonho, 
vives feliz e eu vivo tão tristonho, 
sentindo que esta vida é uma ilusão! 

Nenhum comentário: